Simples Nacional: Devedores comecam receber Termo de Exclusao



24/09/2019


A Receita Federal começou notificar os devedores optantes pelo Simples Nacional através do DTE-SN, com emissão do Termo de Exclusão do Regime.

As empresas optantes pelo Simples Nacional, que possuem débito federal, começaram a receber através do Domicílio Tributário Eletrônico do Simples Nacional (DTE-SN) o Termo de Exclusão do regime, com validade para 1º de janeiro de 2020.
Os débitos que motivaram o Termo de Exclusão são aqueles declarados no Programa Gerador do Documento de Arrecadação do Simples Nacional PGDAS-D e também o valor devido a título de contribuição previdenciária cuja exigibilidade não está suspensa.

O Termo de exclusão foi emitido com base no inciso V do Art. 17, inciso I do Art. 29, inciso II do caput e § 2o do art. 30 da Lei Complementar nº 123 de 2006.

De acordo com a ordem de Intimação

A empresa intimada de sua exclusão do Simples Nacional, poderá apresentar contestação no prazo de 30 dias contados da ciência do Termo de Exclusão.

 

Principais motivos que causam a exclusão do Simples Nacional: 1. Débitos dos mais variados em órgãos governamentais; 2. Exceder o limite de faturamento; 3. Exercer atividades não permitidas; 4. Fraudes; 5. Despesas e compras acima do faturamento; 6. Um dos sócios ser pessoa jurídica.

Precisando de Ajuda?

Conte com Nossa Equipe!




Simples Nacional defere mais da metade das solicitacoes para 2020
Quais impostos a minha empresa precisa pagar
Tratamento fiscal diferenciado a micro e pequenas empresas e o Simples Nacional
Fiscalizacao do trabalho alcanca mais de 35 milhoes de trabalhadores em 2019
SIMPLES NACIONAL - Pendencia de IPVA inviabiliza opcao pelo Simples Nacional


Mídia Marketing - 2012
Setor de Programação